10 Motivos para Querer Morar no Japão

1. Segurança

É incrível como no Japão as coisas funcionam numa perfeita harmonia, propiciando para menos vandalismo, crimes e desordem. Claro que como em qualquer outro lugar no mundo, infelizmente há sim acontecimentos ruins, mas o principal é que a justiça funciona, lá quem desejar fazer algo fora da lei sabe que sofrerá as consequências.

2. Praticidade

Tudo no Japão é muito prático, tudo mesmo! Desde um produto ou ferramenta para limpeza de dentro de casa, das essenciais lojas de conveniência e maquininhas de
bebidas que encontramos a todo canto nos auxiliando muito bem, até mesmo no momento de resolver alguma documentação. Existem locais específicos para determinado assunto e que em apenas 1 dia conseguimos sair do local com tudo resolvido. Muitos registros são realizados basicamente na prefeitura da cidade, e não existem essas burocracias de cartório (autenticação de assinatura, reconhecimento de firma, etc.) há sistemas e padrão para tudo. Como muitos já conhecem, o sistema japonês funciona muito bem.

3. Cordialidade e respeito

Aonde quer que seja, por menor poder aquisitivo que tenha, as pessoas são tratadas com muita educação e respeito sempre, é pouco visto a desigualdade social. Você pode entrar numa loja de chinelos ou de pijama e a atendente te tratará da mesma forma que atenderia outra pessoa que entrasse vestida formalmente. A qualidade no atendimento ao cliente é muito exigido independente de quem ou como seja o cliente, e também existem padrões a serem seguidos para isso.

4. Serviços de qualidade

A tecnologia se supera sempre, e no Japão, fazendo jus ao seu título de país de primeiro mundo consegue cumprir muito bem com seu papel. Todo serviço que precisar, seja de internet, rede telefônica, atendente do restaurante ou da loja de conveniência será prestado com muita qualidade e dedicação.

5. Uso correto do dinheiro público

Nada diferente do que no Brasil, no Japão também se paga impostos, seja ele de renda, veículo, entre outros. A diferença nisso é que enxergamos o retorno, por exemplo no asfalto das ruas (as ruas do Japão parecem um tapete), saneamento básico, disponibilidade de banheiro público gratuito, sinalização, entre muitos outros aspectos.

6. Lazer

No Japão existem milhares de lugares lindos para conhecer, gratuitos ou não. Apesar da vida no Japão ter um custo de vida relativamente elevado, se você se programar e ter uma educação financeira, consegue sim economizar para poder viajar muito. E, como as estações do ano são extremamente definidas, possuem suas tradições oficiais. Por exemplo na primavera, há o Hanami (contemplar o Sakura), no verão o que não falta é praias, piscinas e cachoeiras, além dos tradicionais Hanabi (fogos de artifícios) e Matsuri (festivais), no outono apreciar as paisagens das variadas folhas coloridas no meio das montanhas é sensacional e no inverno é possível praticar esportes na neve ou curtir as águas termais. Esses foram apenas pequenos exemplos dos diversos lazeres que podem ser aproveitados morando no Japão.

7. Qualidade de vida

Esse tópico é bastante relativo de pessoa para pessoa, mas a qualidade de vida em termos de bem estar de um modo geral e, que dependa de questões financeiras, o Japão propicia várias oportunidades, mesmo que sejamos estrangeiros, podemos conquistar bons empregos (com tanto que tenha uma boa fluência no idioma) e através dos estudos, adquirir boas posições profissionais.

 

8. Cultura preservada

No Japão atual, podemos enxergar o contraste entre um país ainda bastante tradicionalista porém de encontro com a globalização, com a tecnologia de ponta. Em qualquer cidade podemos encontrar templos da religião predominante mas ao mesmo tempo podemos ver carros e aparelhos eletrônicos de última geração, até nisso eles buscam o equilíbrio “perfeito”. Não deixam sua cultura e tradição de lado, mas sabem estar à frente nos quesitos de inovação e praticidade. Até nos pequenos detalhes de um pacote de presente, é possível ver o quanto existe a delicadeza e tradição viva da cultura japonesa, pra eles tudo merece um toque especial e algum motivo para agradecer a natureza e a vida.

9. Pontualidade, respeito ao próximo

No Japão a pontualidade e sistemática já vem de berço, desde crianças são educados para respeitar o próximo e ser pontual em seus compromissos. Durante a idade escolar a rigorosidade é muito presente, porém sempre aprendendo os propósitos, por exemplo ser pontual não apenas para agradar o outro e sim pela empatia de que quando for sua vez, também gostaria de ser tratado da mesma forma. Horários de transporte público, reuniões, eventos, enfim, tudo é sempre muito exato e organizado.

10. Limpeza / Higiene

Qualquer lugar que você andar ou entrar, é praticamente impossível ver algum lixo jogado fora do lugar. Nas escolas primárias, as crianças são ensinadas desde muito cedo a limpar em grupos suas salas de aula, carteiras, o próprio banheiro da escola, servir o almoço, etc. Desde cedo aprendem a trabalhar em equipe pensando sempre no próximo, criando muito comprometimento, disciplina e responsabilidades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *